FIQUE EM CASA COM... CATARINA FILIPA

"TENHO SAUDADES DE SER LIVRE"

De que forma é que a pandemia alterou a tua vida social e familiar? - A pandemia ensinou-me a valorizar e a dar ainda mais importância à palavra família, àquilo que antes era apenas um almoço de família e que hoje em dia já não é um apenas, é muito mais que isso. No que toca à vida social também me afetou um bocado porque eu costumo ser uma pessoa socialmente ativa, sou pessoa de passear, conviver e sair com o meu grupo de amigos e de momento não o posso fazer e tenho saudades!  Estarmos com as pessoas que gostamos, sejam elas da família ou não, não tem preço! Como é que estás a encarar esta calamidade?

- Sou sincera, no início não foi fácil! Mas com o passar do tempo tornou-se uma questão de "hábito", se bem que nunca nos devemos habituar às coisas más mas neste momento já só penso que uma das maiores virtudes é a paciência, o saber esperar, e eu sei que no fim vai ficar tudo bem! 

Portanto estou muito esperançosa e positiva! 


O que te preocupa mais em relação ao futuro?

- Penso que esta pandemia nos mudou um bocadinho a todos, ou pelo menos devia ter mudado, eu particularmente comecei a ver as coisas de uma outra forma mas é claro que penso no futuro pós pandemia e tenho um certo receio! 

Apesar de tudo o que mais me preocupa é o tempo que esta pandemia poderá durar e preocupa-me também o tempo que as pessoas irão precisar até tudo voltar ao normal, penso que será a parte mais complicada porque mesmo depois continuaremos com receio e até voltar tudo ao normal, não vai ser fácil ... Mas como já referi, esperança acima de tudo! 

O que tens mais saudades de fazer atualmente?

- Atualmente tenho saudades de ser livre! Nunca pensei dizer isto mas sinto muito a falta de conviver com as pessoas, de podermos estar juntos daqueles que gostamos, do nosso grupo de amigos, sem qualquer tipo de preocupação.

Poder ir passear, passar tardes inteiras numa esplanada a apanhar um bom sol, e até mesmo sair à noite! 


Falando da Moda... O projeto Horse Model foi a tua rampa de lançamento, não é verdade?

- Sim, tudo começou quando fui estagiar para o centro hípico do José Godinho, passado alguns meses e tentativas ele lá me conseguiu convencer a fazer a primeira sessão fotográfica e depois participei no meu primeiro desfile da Horse Model na Praia da Areia Branca em 2018 e tenho muito a agradecer a toda a equipa Horse Model pelo empurrão que me deram! 

O que me facilitou também foi o à vontade para com os cavalos, desde muito nova que sou uma grande aficionada pela festa brava e então os toiros e os cavalos são duas das minhas grandes paixões e como tal o facto de montar a cavalo e ter uma ligação com eles facilitou imenso, até me ajudam a descontrair!

Ser modelo faz-te sentir realizada?

- Sim! Penso que qualquer mulher se sente mais confiante e com a auto-estima mais lá em cima por ser modelo, significa que existem pessoas que gostam da nossa forma/aspeto físico e valorizam isso.

Que projetos tens para o futuro próximo?

- De momento tenho umas sessões fotográficas pendentes, pois ando a trabalhar e torna-se complicado gerir tudo.

Outro tipo de projetos, de momento, ainda não existem mas estou sempre aberta a novos projetos! 


Qual o teu grande sonho enquanto modelo?

- Como grande sonhadora que sou, o meu sonho enquanto modelo passa por sair na capa de uma revista conhecida ou fotografar/desfilar para um estilista famoso.  Eventualmente, também cheguei a sonhar com o mundo da representação, ser atriz. No entanto, estou mais perto que ontem, se bem que ainda tenho muito a aprender! 


O que te faz mais feliz além da Moda?

- Além da moda existem muitas outras coisas que me fazem feliz, costumo ser uma pessoa de ter passatempos. Mas de momento o meu passatempo tem sido trabalhar, o que também é necessário! 

Mas fora desse contexto eu sou ou "era" muito feliz com coisas mínimas, como por exemplo passar uma tarde a montar a cavalo, ou passar um dia na praia, não posso dizer que haja assim uma outra paixão a que me dedique de momento mas a equitação vai ser sempre uma delas! Por enquanto, sou feliz com atitudes, gestos, pessoas e sítios!


Que palavra deixas aos leitores?

- Aos leitores quero dizer para serem felizes, seguirem os seus sonhos e que nunca deixem de acreditar, tudo é possível! 


Fotos: Direitos Reservados



179 visualizações

+351 917 777 418

  • White Facebook Icon

Segue-nos

Bairro Filomena, N° 7 B - 2530-806 Vimeiro